Christopher Cross - Sailing

[postlink]http://veiapan.blogspot.com/2009/08/christopher-cross-sailing.html[/postlink]http://www.youtube.com/watch?v=VMkIuKXwmlUendofvid
[starttext]
Christopher Cross, nome artístico de Christopher Charles Geppert, nasceu em San Antonio no dia 3 de Maio de 1951 é um músico compositor, guitarrista e cantor norte-americano. Ele começou nos anos 70, participando da banda de rock pesado FLASH. Nesta época Christopher era uma espécie de herói da guitarra no Texas, o que lhe valeu a oportunidade de substituir Ritchie Blackmore em um concerto do Deep Purple. Ritchie ficou muito gripado e não conseguia tocar, mas o produtor e a banda resolveram fazer o show com o jovem guitarrista local. No final da década, porém, partiu para carreira individual, lançando seu primeiro LP solo em 1980. Com esse disco de estréia, ele ganhou cinco prêmios Grammy. Embora tenha ficado famoso no Brasil com a canção "Sailling", desse LP, só teve sucesso internacional no ano seguinte, com a participação na trilha sonora do filme Arthur (estrelado por Liza Minnelli e Dudley Moore), com o tema de Arthur ou "Best That You Can Do". Esta música, composta com Burt Bacharach e Carole Bayer Sager, lhe valeu um Oscar de melhor canção.

Para saber mais: www.christophercross.com

Conteúdo YouTube: martingrebing

SAINLING
Composição: Christopher Cross
(Álbum "Christopher Cross" - 1979)

Well, it's not far down to paradise, at least it's not for me
And if the wind is right you can sail away and find tranquility
Oh, the canvas can do miracles, just you wait and see
Believe me

It's not far to never-never land, no reason to pretend
And if the wind is right you can find the joy of innocenceagain
Oh, the canvas can do miracles, just you wait and see
Believe me

Sailing takes me away to where i've always heard it could be
Just a dream and the wind to carry me
And soon i will be free

Fantasy, it gets the best of me
When i'm sailing
All caught up in the reverie, every word is a symphony
Won't you believe me?

Well it's not far back to sanity, at least it's not for me
And if the wind is right you can sail away and find serenity
Oh, the canvas can do miracles, just you wait and see
Believe me

NEVEGANDO



Bem, o paraíso não está muito longe, pelo menos não para mim
E se o vento estiver bom você poderá navegar por aí e encontrar a tranquilidade
Oh, as velas podem fazer milagres, espere e veja
Acredite em mim

Não está muito longe da terra do nunca, não há porque fingir
E se o vento estiver bom você poderá encontrar o prazer da inocência novamente
Oh, as velas podem fazer milagres, espere e veja
Acredite em mim

Navegando, me leve aonde eu sempre ouvi que poderia estar
Apenas um sonho e o vento para me levarem
E em breve eu estarei livre

Fantasia, tem o melhor de mim
Quando eu estou navegando
Preso em um devaneio, cada palavra é uma sinfonia
Não acredita em mim?

Bem, não é muito longe o retorno para a sanidade, pelo menos não para mim
E se o vento estiver bom você poderá navegar por aí e encontrar a serenidade
Oh, as velas podem fazer milagres, espere e veja
Acredite em mim
[endtext]

2 comentários:

lucia disse...

ola Roberto adorei seus videos muito lindas as musicas...todas todas todas
parabens vc tem um gosto muuito apurado obrigada Roberto por esse presente bjos

Ruth disse...

Essas músicas são bonitas , devem de seer dos anos 70 a 80, que apareceu muitas músicas bonitas, dépois deste tempo pra cá ficaram gravadas na mente de muita gente a beleza das músicas que até hoje tocam sempre nas Rádios. Muito bom !Valeu!